A importância da ajuda profissional quando se sente dor

A osteoartrose pode surgir em qualquer uma das articulações do corpo, sendo mais comum afetar os joelhos, as mãos, as ancas e a coluna vertebral. O caso dos joelhos talvez seja o mais estudado de todos e a ajuda de especialistas pode ser muito importante para lidar com a doença.

A osteoartrose pode surgir em qualquer uma das articulações do corpo, sendo mais comum afetar os joelhos, as mãos, as ancas e a coluna vertebral. O caso dos joelhos talvez seja o mais estudado de todos e a ajuda de especialistas pode ser muito importante para lidar com a doença.

A investigação científica tem permitido que o conhecimento médico olhe agora para a osteoartrose de uma forma diferente do que acontecia no passado. Ao passo que antes se via a doença como algo que afetava apenas a cartilagem (dos joelhos, por exemplo), enfraquecendo-a e desgastando-a, atualmente entende-se esta como uma patologia que atinge a articulação no seu todo.

Hoje em dia, os médicos apresentam muitas vezes aos pacientes um diagnóstico de simples dor nas articulações, sem o relacionar necessariamente com osteoartrose (e vice-versa). Um exame médico bastante acessível, como é o caso de um raio-X, pode fazer esse despiste e certificar se existe um dano articular evidente que se possa considerar como resultado da doença.

Uma dor nas articulações, sobretudo no caso dos mais idosos, pode ter outras causas e necessitar de outros tipos de tratamento. Esta pode resultar, por exemplo, de danos ocorridos com lesões antigas, como acidentes ou cirurgias, atividades profissionais ou desportivas de carga excessiva, peso a mais, etc.  Ainda assim, fatores como estes (articulação ferida, desalinhada e musculatura insuficiente, excesso de peso, etc.) podem aumentar o risco de osteoartrose, uma vez que acarretam um aumento de pressão sobre a articulação, uma das causas de desenvolvimento e progressão da doença.

Este não é um processo linear: pequenos danos nas articulações permitem que esta se regenere e não evolua para lesões mais graves ou mesmo incapacitantes. Pode também existir alguma dor ou desconforto nas articulações, por um certo período, a qual desaparece ao fim de certo tempo. Por isso, é fundamental que se proceda a uma análise e a um diagnóstico preciso sobre as verdadeiras causas e extensão dos danos, se estes de facto existem e na sua origem está ou não a osteoartrose.

Fonte (13/09/2022):

https://sapientia.ualg.pt/bitstream/10400.1/10862/1/UM%20MANUAL%20PARA%20PESSOAS%20COM%20OSTEOARTROSE_final_PT.docx.pdf

MAT-PT-2200984 v1 outubro 2022

Aviso

Está prestes a deixar um website da Sanofi e a aceder a outro site, onde não se aplica a nossa política de privacidade. A Sanofi não é responsável pelo conteúdo de websites externos.

Voltar Continuar

Pin It on Pinterest

Share This