Aprender a lidar com a dor? – Testemunhos

Aprender a lidar com a dor crónica é o desafio de uma vida. Existem várias estratégias e, muitas das vezes, é a própria pessoa que sente a dor quem melhor consegue perceber qual a forma mais indicada para viver com ela, sem lhe sucumbir.

Aprender a Lidar com a Dor

Aprender a lidar com a dor crónica é o desafio de uma vida. Existem várias estratégias e, muitas das vezes, é a própria pessoa que sente a dor quem melhor consegue perceber qual a forma mais indicada para viver com ela, sem lhe sucumbir.

No livro de Alain De Botton, Como Proust pode mudar a sua vida, encontramos algumas dessas estratégias. De Botton socorre-se do grande escritor francês para questionar se a dor crónica não pode tornar-se num incentivo à aprendizagem: sofremos, logo pensamos, e fazemo-lo porque pensar ajuda-nos a contextualizar a dor, ajuda-nos a compreender a sua origem, a aferir a sua dimensão e a reconciliarmo-nos com a sua presença.

Como viver a partir da dor e saber o que fazer com ela parece ser o princípio do caminho. Isto porque viver é bem melhor que sobreviver”, como nos diz Catarina Marques (Coordenadora do Núcleo da Dor) que nos deixa ainda vários outros testemunhos.

TESTEMUNHOS

Acredito que, quando falamos sobre as coisas que nos boicotam o dia-a-dia, acabamos sempre por poder vê-las segundo uma perspetiva diferente e mais distante de nós, e só ganhamos com essa distância. Também acredito que, ao partilhar experiências e truques, descobrimos outros tantos!(Margarida Fonseca Santos)

Eu gostava de conseguir saber melhor qual a origem destas minhas dores, pois quando faço exames radiológicos, TACs1 e neurológicos não me conseguem explicar, nem tratar para sentir menos dor. Gostava de estar mais satisfeita com a vida… poder viver sem estar sempre cansada e sem dor. Fazer acreditar aos outros que não estou a mentir, que não tenho a mania das doenças e ainda acreditar em VIVER. Simplesmente, partilhar e aprender… (MA)

(…) A dor é um sintoma transversal a muitas patologias, muitas mais do que as pessoas imaginam! Temos que conseguir traduzir para palavras, papel e acabarmos com a discriminação que sofremos no local de trabalho, na sociedade, na família, médicos e outros. (CC)

Fonte (maio de 2020)

1 TAC = Tomografia Axial Computorizada

Aviso

Está prestes a deixar um website da Sanofi e a aceder a outro site, onde não se aplica a nossa política de privacidade. A Sanofi não é responsável pelo conteúdo de websites externos.

Voltar Continuar

Pin It on Pinterest

Share This