Como tratar a osteoartrose

A osteoartrose pode ser tratada de diversas formas, sendo que a escolha do tratamento mais adequado deve ser feita tendo em conta a complexidade da doença e as características próprias de cada paciente.

A osteoartrose pode ser tratada de diversas formas, sendo que a escolha do tratamento mais adequado deve ser feita tendo em conta a complexidade da doença e as características próprias de cada paciente.

Uma das prioridades do combate à osteoartrose, quer seja para impedir a evolução da doença, quer seja para uma diminuição dos sintomas associados, prende-se com a promoção da reabilitação funcional do paciente.

Num primeiro nível, a reabilitação funcional deve incidir diretamente na articulação envolvida, com recurso a profissionais especializados que se encarregarão de estimular a mais correta funcionalidade desta, dentro dos limites impostos pela doença.

Por outro lado, e porque a osteoartrose é uma doença complexa que pode inclusivamente envolver mais que uma articulação, é importante que estes profissionais procedam à reabilitação do paciente na sua globalidade, de modo a este reduzir as suas incapacidades, aumentar a prontidão física e participar ativamente no processo.

Nos casos em que exista um diagnóstico de maior avanço da doença, uma outra possibilidade de tratamento é a cirurgia. Esta é normalmente equacionada quando existe dor intensa e uma significativa diminuição da mobilidade (com incapacitação).

A cirurgia pode ser uma opção para a correção de desalinhamentos do eixo articular (osteotomia), para a realização de uma artroscopia diagnóstica e terapêutica ou para a colocação de uma prótese articular. Esta última é a situação cirúrgica mais frequente, sendo suscetível de proporcionar um alívio das dores e uma melhoria da mobilidade do paciente.

Fonte (13/09/2022):

https://www.chln.min-saude.pt/media/k2/attachments/servico_reumatologia/Manual%20da%20Osteoartrose.pdf

MAT-PT-2201032 v1 outubro 2022

Aviso

Está prestes a deixar um website da Sanofi e a aceder a outro site, onde não se aplica a nossa política de privacidade. A Sanofi não é responsável pelo conteúdo de websites externos.

Voltar Continuar

Pin It on Pinterest

Share This