O quente e o frio no alívio das dores

A utilização terapêutica de fontes de calor e de frio é uma prática muito antiga. Também no caso da osteoartrose é possível utilizar estes elementos, de modo a proporcionar aos pacientes um alívio dos incómodos causados por esta doença crónica.

A utilização terapêutica de fontes de calor e de frio é uma prática muito antiga. Também no caso da osteoartrose é possível utilizar estes elementos, de modo a proporcionar aos pacientes um alívio dos incómodos causados por esta doença crónica.

De um modo geral, é tradição recorrermos ao calor para sentirmos um alívio das dores e ao frio para conseguirmos um alívio dos inchaços.

O calor, no caso particular da osteoartrose, pode também servir para diminuir a rigidez que acomete algumas das articulações. Muitos pacientes optam por tomar um duche ou um banho quente, de modo a conseguirem relaxar os músculos e, assim, sentirem-se melhor.

Também há quem utilize produtos que permitem a aplicação de calor, tais como almofadas de gel ou cereais. Estas podem ser rapidamente aquecidas no micro-ondas e aplicadas diretamente sobre a articulação afetada (com algum cuidado, para evitar queimaduras).

Quando proporcionam alívio dos sintomas (dor e rigidez), estas práticas terapêuticas artesanais podem ser incluídas numa rotina diária e revelarem-se bastante proveitosas.

Fora de casa, existem clínicas de medicina física e reabilitação que proporcionam tratamentos térmicos das articulações das mãos, por exemplo, utilizando banhos de parafina.

Já quanto ao frio, também aqui se pode recorrer às almofadas de gel ou cereais, colocando-as previamente no frigorífico/congelador. O frio vai fazer com que o inchaço diminua e, com isso, existir uma diminuição da dor.

É possível, em alternativa, utilizar-se uma bolsa de gelo ou um saco de legumes congelados (ervilhas, por exemplo). O frio deve ser aplicado sobre a articulação de forma indireta, até a um máximo de 20 minutos a cada 2 horas. Para evitar as queimaduras, coloque-o numa embalagem de plástico ou enrole-o numa toalha.

Existem pacientes que mostraram preferência por alternar entre tratamentos de frio e de calor. É importante que cada um experimente e veja por si próprio como o corpo reage em cada situação.

Fonte (13/09/2022):

https://sapientia.ualg.pt/bitstream/10400.1/10862/1/UM%20MANUAL%20PARA%20PESSOAS%20COM%20OSTEOARTROSE_final_PT.docx.pdf

MAT-PT-2201025 v1 outubro 202

Aviso

Está prestes a deixar um website da Sanofi e a aceder a outro site, onde não se aplica a nossa política de privacidade. A Sanofi não é responsável pelo conteúdo de websites externos.

Voltar Continuar

Pin It on Pinterest

Share This