Quer ter uma alimentação mais equilibrada? Opte por estes 8 super alimentos. - ojoelhodoi.pt

Quer ter uma alimentação mais equilibrada? Opte por estes 8 super alimentos.

Manter uma alimentação equilibrada é essencial para evitar a obesidade e controlar a dor no joelho. Para ajudar, damos a conhecer 8 super alimentos que apresentam diversos benefícios: retardam envelhecimento, previnem doenças crónicas, ajudam na dieta e podem ser a chave do sucesso para uma vida mais longa – e sem dor no joelho! Descubra tudo aqui.

super alimentos

Tem uns quilinhos a mais? Começou a sentir-se pesado? Pretende adotar uma alimentação mais saudável? Então, conheça os super alimentos e tome nota de 8 ingredientes indispensáveis a qualquer dieta equilibrada. Além de retardarem o envelhecimento, previnem doenças crónicas, ajudam a emagrecer e podem ser a chave do sucesso para uma maior longevidade.

Falamos de 8 poderosos ingredientes, que se distinguem dos restantes alimentos por conterem doses extraordinárias de antioxidantes, vitaminas e minerais que nos protegem contra as doenças mais comuns. Tome nota:

  1. Quinoa. É considerado um dos alimentos mais completos, pelo balanço ideal de proteínas. É isenta de glúten e contém doses consideráveis de ácidos gordos, ómega 3 e ómega 6, e de vitaminas A, C e E, com uma forte ação antioxidante. Deve ingerir entre 3 a 4 vezes por semana, cozida, a acompanhar carne ou peixe, misturada em saladas ou em sopas.
  2. Abacate. Contém mais proteína que qualquer outro fruto e doses significativas de ácido oleico, que aumenta o bom colesterol (HDL) e diminui o mau (LDL), e glutationa, um poderoso antioxidante que reduz os níveis de cortisol (hormona do stress). Deve comer 1 a 2 vezes por semana, em saladas, molhos ou consumido ao lanche para saciar.
  3. Açaí. É um poderoso antioxidante, contém muita fibra e vitamina C. É, igualmente, rico em flavonoides (20 vezes mais que o vinho tinto e dez vezes mais que o cacau), que lhe confere uma função anti-inflamatória muito elevada. Encontra açaí em pó liofilizado e em polpa congelado, pelo que pode consumir entre 2 e 3 vezes por semana, em batidos, iogurtes, cereais e com outras frutas.
  4. Aveia. O ideal é que consuma entre 3 a 4 vezes por semana. É um cereal com muitas fibras que promovem o bom funcionamento intestinal e ajudam a reduzir os níveis de colesterol. No próximo pequeno-almoço, sugerimos que prove as papas de aveia, cozidas em água com casca de limão, canela e um pouco de mel. Dada a versatilidade, pode também adicionar aos seus iogurtes e batidos.
  5. Bagas de goji. Possuem todos os aminoácidos essenciais, polissacarídeos que reforçam a flora intestinal e a imunidade, e cerca de 21 minerais, onde se destaca o ferro. Podem ser ingeridas adicionadas a saladas, cereais de pequeno-almoço, sumos, batidos e snacks. Dose indicada: entre 10 a 15 bagas, 5 a 6 vezes por semana.
  6. Lentilhas. Alguns estudos indicam que o consumo regular diminui o risco de obesidade em 22%, devido ao seu elevado teor em fibras que ajudam a reduzir a produção de insulina e, assim, manter os níveis de glicose equilibradas. Existem cerca de 50 variedades, mas todas têm em comum o elevado teor proteico, fácil digestão e grande teor em ferro. Sugerimos que consuma uma chávena de chá, 2 vezes por semana, a acompanhar carne e peixe, mas pode também usar em saladas.
  7. Spirulina. É uma alga de água doce, que contém a maior concentração proteica encontrada em alimentos (entre 65 a 71%). Graças à clorofila, o pigmento responsável pela sua cor, apresenta um forte poder desintoxicante, ajudando o organismo a eliminar toxinas. Tem também todos os aminoácidos essenciais e muitas vitaminas (A, B1, B2, B6, E e K). Deve ser consumida, idealmente, 1 ou 2 vezes por semana, em pequenas doses, em sumos e batidos.
  8. Batata doce. Quando comparada à batata tradicional, as vantagens são muitas: tem uma forte ação antioxidante, possui um índice glicémico muito mais baixo (que facilita a perda de peso), é muito rica em minerais (cálcio, ferro, potássio e fósforo) e o poder de saciar, graças ao seu elevado teor em fibras. Sugerimos que use este superalimento nos seus cozinhados 2 vezes por semana, como mais gostar: assada, cozida, salteada ou a acompanhar carne e peixe.

Estes super alimentos são a prova de que uma alimentação saudável não é sinónimo de monotonia e refeições sem sabor.

Fonte: Sapo Lifestyle

Aviso

Está prestes a deixar um website da Sanofi e a aceder a outro site, onde não se aplica a nossa política de privacidade. A Sanofi não é responsável pelo conteúdo de websites externos.

Voltar Continuar

Pin It on Pinterest

Share This